Método Construtivista

A criança é um ser em desenvolvimento e o processo de aprendizagem é constante. Sabemos que existem diferentes abordagens teóricas de educação que explicam como esse processo ocorre e de como os agentes [familiares e educadores] podem utilizar ferramentas para que os pequenos desenvolvam da melhor forma suas habilidades.

Uma dessas teorias é chamada construtivismo baseada na obra de Jean Piaget (1896- 1980). Para ele, a criança adquire conhecimento interagindo com outras pessoas e com o ambiente no qual convive.

No método construtivista, o aluno é o centro de toda a aprendizagem. Em outras palavras, a criança é incentivada a ter suas próprias experiencias com outras crianças para estimular sua independência em solucionar problemas, elaborar questionamentos e construir hipóteses.

O construtivismo quando comparado ao método tradicional busca “desconstruir” a ideia de um ensino vertical onde o professor fala e o aluno deve apenas copiar e assimilar sem questionar.

 O professor se tona o mediador do processo e a criança se torna livre para expressar suas dúvidas enquanto o aprendizado é construído.

Princípios da metodologia construtivista:

– O professor deve direcionar o aluno a situações que o incentive na busca pelo conhecimento;

– O conhecimento é uma construção da vivência de cada criança e nunca uma versão engessada da realidade;

– O professor é um facilitador do aprendizado e não um simples transmissor de conteúdo programado;

–  Cada criança tem sua própria etapa de desenvolvimento no processo de aprendizagem essas etapas são consideradas;

O ambiente

No construtivismo, o ambiente é importante para o desenvolvimento cognitivo do indivíduo.

 Por exemplo, no processo de alfabetização. Se o professor leu para a criança, o ambiente deve estar enriquecido com outros livros, ou confortável para que o aluno explore o mundo da leitura e das letras por meio de jogos lúdicos ou outras ferramentas previamente pensadas para a ocasião. É importante ressaltar que o aluno não faz o que quer, mas que o professor planeja as aulas conforme as observações feitas em cada um de seus alunos.

Brinquedos

Para o construtivismo as crianças interagem com o mundo, aprendem com as experiencias sensoriais e desenvolvem suas habilidades cognitivas.

Sentir e segurar

Para bebês – Brinquedos macios, bonecos de pano, chocalhos, instrumentos musicais e qualquer objeto que desperte a curiosidade do segurar e sentir texturas diferentes.

Jogos

Jogos são excelentes respostas para a aprendizagem motora. Brincar de esconder objetos, desenvolve a habilidade de solucionar problemas, orientação e linguagem.

Atividades como empilhar blocos e esvaziar vasilhas, contribuem para conscientização espacial e ações motoras.

INSTAGRAM

FACEBOOK

Photo by KostyaKlimenko